SaúdeSubúrbio

Profissionais da UPA de Periperi relatam falta de condições de trabalho; 9 funcionários estão com Covid-19

Além disso, UPA tem 25 profissionais afastados e técnica de enfermagem morreu após ser contaminada. Secretário de saúde nega falta de equipamentos.

Profissionais da UPA de Periperi, na região do subúrbio ferroviário de Salvador, denunciaram condições insalubres de trabalho no local. Segundo os funcionários, rotineiramente a Unidade de Pronto Atendimento apresenta lixeiras cheias, equipamentos de limpeza danificados, espaços que necessitam de higienização e áreas de circulação que facilitam a contaminação em caso de atendimento de pessoas com coronavírus. A falta de equipamentos de proteção e de treinamento adequado também são queixas das pessoas que trabalham no local.

“Entramos pela porta de entrada, onde ficam todos os doentes, passamos pelo corredor apertado, mínimo, para ir para a farmácia pegar o EPI e depois volta. Quando volta com esse EPI, ele está todo contaminado, estamos passando por uma área de sujeira, área de risco de contaminação, uma área de atendimento de Covid”, disse um funcionário que não quis se identificar.

Até o momento, nove profissionais da UPA de Periperi foram diagnosticados com coronavírus. No total, 104 funcionários foram testados e 25 estão afastados. Uma técnica em enfermagem que trabalhava na unidade há três semanas morreu após ser infectada pela Covid-19.

“Ela estava trabalhando lá depois de ficar desempregada mais de um ano. Temos uma colega que está grave no Teresa de Lisieux e outra que está muito grave no Couto Maia”, contou outro funcionário.

Diante da situação, uma profissional da UPA de Periperi que está afastada por contaminação com a COVID-19 descarta voltar a trabalhar no local após se curar.

“Eu estou afastada e não pretendo, quando voltar desse afastamento, ir lá mais não. Quero trabalhar, mas não quero entrar no corredor da morte”.

Em todo o estado, 623 profissionais de saúde testaram positivo para coronavírus, segundo dados da Secretaria de Saúde (Sesab).

G1

Mostrar mais

Redação

Saiba as última notícias da Bahia, Brasil e do mundo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
× Como posso te ajudar?